O MELHOR ZEÓLITO PARA REMOÇÃO DE FERRO E MANGANÊS

                                                              

 

 

        VANTAGENS OXTECH

 

Elevada eficiência comprovada em testes de performance para remoção seletiva de todos os contaminantes descritos acima.
 

Não é necessária a utilização de regenerantes químicos.

Baixo custo operacional.

Elevada resistência mecânica, possibilitando a baixa geração de finos por atrito, no processo de retrolavagem ou mesmo pela pressão interna do vaso.

Elevada vida útil (acima de 5 anos), devido ao baixo desgaste da mídia durante o processo de remoção das impurezas.

 

        RECOMENDAÇÕES DE USO

A mídia OXTECH é utilizada em filtros de alta pressão, através da formação de um leito filtrante que pode variar dependendo do teor de ferro e manganês a ser removido. Para cada m3 de água a ser filtrada por hora, temos a seguinte demanda:

 

              50 quilos para teores acumulativos (teor de ferro+ teor de manganês) inferiores a 5 ppm.

100 quilos para teores acumulativos (teor de ferro+ teor de manganês) superiores a 5 ppm.

 

O sistema de filtração deverá ter crepinas com ranhuras inferiores a 0,30 mm, a fim de evitar a fuga do meio filtrante durante o processo de filtração. Para completar a lavagem, serão suficientes cinco volumes de leito, sendo colocado posteriormente em uso e descartando a primeira metade remanescente de volume de leito de água filtrada.

 

A taxa de filtração recomendada para sistemas por gravidade é da ordem de 10 a 20m3/h/m2, embora taxas maiores podem ser utilizadas. A recomendação para tempo médio de contato entre o meio filtrante e água é em torno de 3 minutos, onde será alcançada a maior eficiência do processo. Para a taxa de retrolavagem, a recomenda- ção mínima é de 25 a 30 m3/h/m2.

 

Devem ser realizadas análises periódicas das concentrações de ferro e manganês na água filtrada, para avaliar a real necessidade de posteriores retrolavagens ou ajustes nas demais variáveis do processo. Não ocorrendo altera- ções substanciais na concentração desses contaminantes, ou nas variáveis operacionais como: as condições de pH, vazão, concentrações na água de alimentação e a regularidade das retrolavagens serão as mesmas.          

 

O OXTECH atinge seus melhores valores trabalhando com pH da água acima de 6,5. Recomenda-se a utilização de hipoclorito de sódio 12% comercial na dosagem de 0,2 a 2,0ppm para uma pré-oxidação, e atender a legislação do Ministério da Saúde. A água deve ser previamente clorada (pré-cloração), quando as análises indicarem a presença de complexos orgânicos de degradação biológica e/ou vegetal de metabolismo bacteriano. A cloração além de combater esses elementos indesejados, irá ampliar a vida útil da mídia e acelerar a reação catalítica.

 

Estes resultados podem variar de acordo com a característica da água a ser tratada. Para confirmação dos mesmos, sé faz necessário estudo prévio.

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 

ESTOCAGEM

O OXTECH pode ser estocado por tempo indeterminado, se abrigado das intempéries. Porém não deve ser coloca- do em contato com ácidos, cloretos, sulfatos e outros produtos químicos que possam reagir com o material.

 

EMBALAGEM

O OXTECH é fornecido em sacos de 20 kg ou Big Bag de 1.000 kg.

 

QUALIDADE

O OXTECH, é processado sob rígido controle de qualidade, onde sua granulometria, análise de elemento ativo e níveis de metais pesados, são constantemente analisados em moderna instalação laboratorial. Os procedimentos laboratoriais de verificação de atributos seguem as normas e recomendações da ABNT.  Todos os dados de processo são arquivados por 12 meses.